domingo, 23 de outubro de 2011

EM FOLDER, COMPESA ALEGA TER DESPESAS ANUAIS ACIMA DE 745 MILHÕES DE REAIS. VAMOS ANALISAR ESTES GASTOS?
No início deste mês em curso, outubro, através de uma revistinha tipo folder intitulada "Plano de Metas 2011", "O Jogo Continua"(???), lá pela página 12ª, com a epígrafe "Tabela de Despesas", estão os dados discriminados desta forma:
*Descrição de despesas -------------------------  conta total/ano.
*Despesas de pessoal -------------------------R$215.000.365,93
*Energia elétrica------------------------------R$162.220.650,79
*Serviços de terceiros-------------------------R$151.960.163,02
*Impostos/parcel./amort./desp banc.-------R$127.019.467,49
*Produtos químicos---------------------------R$38.137.788,27
*Despesas jurídicas(desp./bloqueios)------R$26.800.986,34
*Materiais--------------------------------------R$19.440.739,98
*Despesas gerais-------------------------------R$4.905.600,54
*Total--------------------------------------------R$745.485.762,37
O que nos diz estes números? E se nos atermos apenas aos valores informados nos quesitos: "Serviços de Terceiros", "Produtos químicos", e "Materiais", onde os valores extrapolam a casa dos 209 Milhões de Reais por ano? Quem é o auditor que fiscaliza estas contas? Serviços de terceiros consumindo mais de 151 Milhões de Reais/ano? Produtos químicos, que depois do ano de 2008, quando foi repassado para o controle de "terceiros", arrastando mais de 38 Milhões de Reais/ano? Sem contar com os valores despendidos em supostos, Materiais(???) que beiram os 20 milhões de Reais/ano. Diante destes números fornecidos pelos próprios diretores da nossa empresa, fica a pergunta: Onde está a verdade destes números? Quem nos poderá certificar com plena idoneidade? Se estes números são verídicos, estamos diante de um "câncer financeiro" propriamente dito! O "ralo dos desperdícios"por onde a arrecadação bilionária da nossa Compesa está sendo derramado, não está apenas aberto, está arrombado. Observe caro leitor, que todos estes dados evidenciam a inacessibilidade dos trabalhadores (a base) da nossa empresa ao cerne do problema, ou da gastança. A impossibilidade de qualquer interferência positiva ou negativa por parte dos trabalhadores para complicar ou resolver esta situação financeira. Nós, os compesianos (a base), não podemos fazer nada para modificar esta realidade disperdiciosa da nossa administração! A não ser que venhamos a "renunciar", "abdicar", "abrir mão", de recebermos os nossos míseros salários em "favor dos nossos queridos diretores". Com mais de Um Bilhão de Reais arrecadado/ano, e uma suposta despesa de R$ 745.485.762,37/ano, tudo isso nas mãos, e administrado não por técnicos administrativo ou profissionais (com raras exceções), mas, por dois ou três amigos dos governadores, a nossa Compesa seguirá de mal a pior, em todos os sentidos. Nunca será uma grande empresa. E, se a temida privatização, não fosse praticada com dinheiro público (do BNDS), o Diário Compesiano seria um dos primeiros à ser favorável. Só para ver a "boquinha" e a "ciranda" de gastos absurdos destes "sabidões"gestores, acabar.
COMPESA, SOMOS SENTINELAS E ESTAMOS DE OLHO.

Um comentário:

Anônimo disse...

Compesianos:
Observo dentre as despesas uma que me chamou atenção as de cunho jurídico, cujo valor de quase vinte e sete milhões de reais e que não descrimina os gastos. Certamente esses valores devem estar inclusos o pagamento de bancas de renomados advogados para defender os senhores diretores contra ações jurídicas que venham a responsabilizá-los pelo cometimento de desrespeito as leis que é uma prática corriqueira dessa gestão, como se observa por exemplo as de segurança e saúde do trabalho que tramita no Ministério Público do Trabalho em Pernambuco, visto que a empresa tem cadeira cativa no referido poder judiciário.Será que o cliente da Compesa concorda com essas atitudes??????????? Até quando o trabalhador pernambucano compesiano vai continuar correndo risco de vida nos seus locais cuja missão é levar água até as torneiras dos lares da população de Pernambuco?????? Quem responde a estes questionamentos?????? O governo de Eduardo Campos, tem que fazer menos propaganda institucional e dar um basta as agressões que os trabalhadores compesiano sofrem diariamente na Compesa retirando um bocado de incompetentes que estão na gestão da empresa.

DIÁRIO COMPESIANO

Minha foto

SOU SIMPLES, REALISTA, CURTO E DIRETO. DETESTO ENROLADAS, NÃO SUPORTO MENTIRAS. PREFIRO ME APROXIMAR DOS QUE SINCERAMENTE ME ODEIAM, DOS QUE SE DIZENDO MEUS AMIGOS, AGEM COM SAFADEZA.

ASSIM DIZ O SENHOR JESUS CRISTO:

Josué 1:9 Não to mandei eu? Esforça-te, e tem bom ânimo; não temas, nem te espantes; porque o SENHOR teu Deus é contigo, por onde quer que andares.