terça-feira, 3 de janeiro de 2012

Reflexões de início de ano (2012)
POR  ANDREA FONSECA :
Companheiros, eu gostaria que vocês atentassem para as informações abaixo, que por sinal não são novas: ACT-2011/2012 COMPESIANOS CLÁUSULA 4ª- DO SALÁRIO PROFISSIONAL DOS ENGENHEIROS/QUÍMICOS.  A Compesa observará o Salário Profissional dos Engenheiros e dos Químicos nos termos da lei. Como é calculado o Salário Mínimo Profissional (Engenheiro)?  O Salário Mínimo Profissional é calculado levando em conta a duração da jornada de trabalho e a duração do curso em que o profissional se formou. Para os profissionais que se graduaram em curso com duração igual ou superior a 4 (quatro) anos, a lei prevê 6 (seis) salários mínimos para a jornada de 6 horas, 7,25 salários mínimos para a jornada de 7 horas e 8,5 salários mínimos para a jornada de 8 horas. Para os que se graduaram em cursos com duração inferior a 4 anos, a lei prevê 5 (cinco) salários mínimos para a jornada de 6 horas; 6,04 para 7 horas e 7,08 para 8 horas.  Acima da jornada de 8 horas diárias é considerada hora extra que deverá ser remunerada com o adicional de 50%. Uma outra interpretação da legislação garante que, a partir do advento da Constituição de 1988, para as jornadas de 7 e 8 horas diárias, o Salário Mínimo Profissional do engenheiro deve ser de 7,50 e 9 salários mínimos, respectivamente, para graduados em cursos com mais de 4 anos de duração.
Fonte: http://www.sengepe.org.br/  Governo fixa salário mínimo em 622 reais para 2012.  A presidente Dilma Rousseff assinou, nesta sexta-feira, o decreto que aumenta o salário mínimo para 622 reais em 2012. O novo valor passa a valer a partir de 1º de janeiro, e será pago em fevereiro. Segundo a assessoria de comunicação do Planalto, o decreto deve ser publicado no Diário Oficial da União na segunda-feira. Em novembro, o Ministério do Planejamento enviou ao Congresso um ofício que elevava o valor do salário mínimo de 545 reais para 622,73 reais. O valor foi aprovado pelo Congresso nesta quinta, dentro do Orçamento de 2012, no último dia de trabalho dos parlamentares. Havia a expectativa de que a presidente Dilma arredondasse o valor para mais, chegando a 625 reais. Ela, porém, optou por fechar o mínimo em 622 reais. O reajuste do mínimo é baseado na combinação da inflação do ano anterior com a variação do Produto Interno Bruto (PIB) dos dois anos anteriores. De acordo com números do governo federal, o aumento de um real no salário mínimo tem um impacto de 300 milhões de reais nos cofres públicos. Fonte: http://veja.abril.com.br/noticia/economia/governo-aprova-salario-minimo-de-622-reais-para-2012 . Após lermos estas matérias, chegamos a conclusão de que os Engenheiros também terão aumento em seus salários no mês de janeiro/2012. Ou será que não?  Eu escuto reclamações diversas de alguns engenheiros que nos informam sobre seus salários, onde segundo eles, a Compesa lhes paga um salário inferior ao da categoria (engenheiros, no caso) e complementa-o com um valor até chegar em 8 salários mínimos. Eles reclamam que durante o dissídio e também por ocasião da avaliação de desempenho eles não são contemplados com aumento salarial, uma vez que eles recebem apenas a complementação de seu piso. Por que só a categoria dos Engenheiros é contemplada com aumento quatro meses antes de nosso dissídio? Este fato é constitucional?  E como ficam as outras categorias: médicos, motoristas, administradores, encanadores, etc?  E com este novo PCCR fica até difícil se enquadrar em qualquer função. Imaginem que eu fui tentar financiar uma casa própria e o representante da CEF me disse que não existe AUXILIAR DE GESTÃO (conforme meu contra-cheque) no CBO (Código Brasileiro de Ocupações). Não compreendo como posso ter mudado de cargo sem ter prestado concurso público, como pode um profissional registrado como ENCANADOR ser rebaixado para a Agente de Serviço de Manutenção. Se a Compesa leva saúde para milhões de pernambucanos, por que não pertencemos a Secretaria de saúde?  Por que os encanadores e operadores que trabalham na parte de água não recebem insalubridade?  Confesso que cada dia mais eu fico perdida neste oceano chamado Compesa.

Um comentário:

Rodrigo disse...

A realidade é que a compesa é um orgão Falido, mas não no sentido de dinheiro mas sim de moralidade e outros valores relevantes, eu ja trabalhei em várias empresas e nunca vi uma entidade odiar ( a palavra é essa mesmo) tanto os seus funcionários como a nossa, digo isso pq meu chefe ja disse na minha cara duas vezes que era melhor eu sair, não valorizando quem realmente trabalha que são os operadores de sistemas pq esses engenheiros mais burros do que um estudante do ensino médio só fazem ficar na sala com ar condicionado e dando ordens, uma empresa manipulada totalmente pela politica onde recebo ordens para soltar água de acordo com a classe social e não para quem necessita mais, isso é vergonha. Me sinto muito triste em dizer que sinto nojo (nos dois sentidos)do meu local de trabalho onde so me traz raiva e humilhação, meu desejo é sair nem que seja pra ganhar muito menos e ser respeitado e valorizado, sei que de certa forma isso pode ocorrer em outros orgãos mas não de forma tão intensa. A verdade é que eu não tenho nada de bom para falar sobre a Compesa espero que todos amigos que leram isso estejam buscando um destino melhor assim como eu, boa sorte e fiquem com Deus.

DIÁRIO COMPESIANO

Minha foto

SOU SIMPLES, REALISTA, CURTO E DIRETO. DETESTO ENROLADAS, NÃO SUPORTO MENTIRAS. PREFIRO ME APROXIMAR DOS QUE SINCERAMENTE ME ODEIAM, DOS QUE SE DIZENDO MEUS AMIGOS, AGEM COM SAFADEZA.

ASSIM DIZ O SENHOR JESUS CRISTO:

Josué 1:9 Não to mandei eu? Esforça-te, e tem bom ânimo; não temas, nem te espantes; porque o SENHOR teu Deus é contigo, por onde quer que andares.